Conferência Vicentina

 

A Sociedade de S. Vicente de Paulo (Conferências Vicentinas) é uma organização católica internacional de leigos, fundada, em 1833, por Frederico Ozanam e seus companheiros. Os seus membros organizam-se em grupos, a nível paroquial ou local, chamados Conferências. Acolhida à protecção de S. Vicente de Paulo, inspira-se no seu pensamento e na sua obra. A sua acção compreende todas as formas de ajuda por meio de contacto pessoal, para alívio do sofrimento e promoção da dignidade e da integração social do homem.
Esta organização entra em Portugal, em 1859, chega a Marinhais em 1913, ficando agregada ao Conselho Central de Lisboa. Em 1979, é criado o primeiro Conselho Central, na Diocese de Santarém.

Os objectivos das Conferências Vicentinas são: constituir em cada paróquia uma Conferência, que se dedique a ajudar todos os irmãos, por meio de um contacto pessoal, para alívio do sofrimento e promoção da dignidade e integração do homem e acudir à miséria, descobrir e sanar as suas causas.